Eu desejei tanto que se tornou realidade

www.mezpsicologia.com.br (25)Já parou para pensar que grande parte do que você vive hoje em dia já foi pensado por você em algum momento do seu passado?

E isso pode dar uma alegria ou uma grande tristeza?

A maioria das pessoas nem considera isso.

Muita gente acha que isso é crendice. E provavelmente quem diz isso pode estar no momento não tão legal da própria vida.

Eu já ouvi histórias assim: Estou em um emprego horroroso com um chefe que parece um carrasco e não vejo a hora de sair desse emprego. Ai vou fazer entrevista em outra empresa para fazer exatamente a mesma coisa que estou fazendo na empresa anterior, para ganhar um salário um pouquinho melhor, mas na verdade, eu só quero sair desse inferno que eu vivo todos os dias…

E vida vem e dá uma risadinha maligna de fundo…

A pessoa muda de emprego e no começo é tudo lindo, mas depois de um tempo a história se repete.

 sabe porque?

Simplesmente por que o problema não era o emprego.

Vou dar mais um exemplo…

Estava lá namorando uma pessoa que se mostrou o ser humano mais incrível que poderia existir em todo o planeta terra e depois de um tempo de namoro, algumas coisas começam a mudar e o que era um conto de fadas começa a virar um filme de terror.

Ai a pessoa acha que o Universo, que os deuses estão conspirando para o mal ou que fizeram macumba…

Não gente, não foi anda disso.

Na realidade, nós vamos nos apegando a características que parecem fantásticas, mas lá no fundo, a decepção do relacionamento anterior ou a dor do emprego atual, distorcem a nossa percepção e nos apegamos a possibilidade de que outra experiência poderá ser melhor, mas deixamos de olhar nas entrelhinhas.

E confie, você sabe ler entrelinhas.

Justamente quando você volta a cena no passado e começa a se dar conta que sempre foi assim, você que não queria enxergar.

Então, te convido a ser honesto com você e assumir a sua parcela de responsabilidade pelas coisas que você deseja, mas acima de tudo, pelas coisas que você permite na sua vida.

Vamos nos apegando ao que nos dão, mas esquecemos de nos perguntar se aquilo é realmente o que precisamos ou desejamos.

“Mas Marilice, foi o que eu consegui para hoje”

Então, essa é a maior sacanagem que existe na vida, aceitar  o que tem, se contentando com isso que tem agora, mas no coração desejando outra coisa.

E sabe quando você vai ter o que quer?

Nunca!!!

Porque enquanto você preencher o espaço do sonho ou desejo com o que tem para hoje, seu mental vai entender que aquilo basta e está ocupado, não dando espaço para o que você quer.

O espaço tá ocupado, então não tem porque trazer nada novo para sua vida.

Então, pare de se ocupar ou aceitar metade do que você realmente merece e aponte na direção do que você realmente deseja.

No caso do emprego, por exemplo, se você não está feliz, comece a procurar emprego na área que você quer mas acredite no seu coração que é para você. E se dê um prazo para que isso aconteça, ou a busca será infinita. Não duvide de seus potenciais.

Já na área afetiva, seja honesta com você e com a pessoa. Se não é a pessoa da sua vida, não perca o seu tempo e não faça a pessoa perder o tempo dela. Mesmo estando carente ou com medo de ficar sozinha, ainda é melhor estar disponível do que amarrada a uma história que não te preenche.

E vai ser feliz…

Aprendi com um amigo e vou deixar aqui: “No seu coração, vibre todos os dias o que você deseja e não o que te falta. O universo te devolve o que você tem no seu coração”. (PV).

*** No momento todos os atendimentos estão sendo realizados através de videochamada ***

Marilice Everton Zanato
Psicóloga – CRP. 06/80972
Fone: (11)-9-6989-0331
marilice@mezpsicologia.com.br
www.mezpsicologia.com.br

CONSULTÓRIO – ZONA NORTE:

Rua: Ana Benvinda de Andrade, 51 – Alto de Santana – São Paulo / SP
Referência: Travessa da Voluntários da Pátria – Altura do 3000 / Rua da Loja TNG
Metrô mais próximo Santana.

CONSULTÓRIO – ZONA SUL:

Atendimentos: Somente  Quinta-feira
Rua: Bartolomeu de Gusmão, 177 – Vila Mariana – São Paulo / SP
Referência: Próximo aos Metrôs Ana Rosa e Vila Mariana.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s