Constelação Familiar -Sempre busco a aprovação dos outros

www.mezpsicologia.com.br (10)Este texto faz parte de uma série que irá explicar um pouco como uma Constelação Familiar Individual é realizada.

Cliente me procura, pois refere sempre buscar a aprovação dos outros para suas ações de decisões, na maior parte das vezes percebe isso em relação a seus pais.

Busco compreender um pouco mais o tema e depois de avaliar a questão, peço para ela me contar sua história familiar, mas ao mesmo tempo, não deseja seguir as diretrizes que sua mãe considera corretas para sua vida.

Resumo da história familiar:
Seus pais são casados e possuem três filhos. Minha cliente é a primeira dos filhos.
Refere que seus pais são primos em primeiro grau.
Sobre seus avós:
Maternos: Foram casados por anos e desta relação tiveram quatro filhos. Seu avô materno faleceu assassinado. A avó ficou viúva.
Paternos: Foram casados por anos e desta relação tiveram dois filhos. A história que a cliente conhece é que a avó paterna abandonou a família para ficar com outra pessoa.
Avó materna viúva e avô paterno “abandonado” sem unem e desta relação nascem quatro filhos.

Iniciamos a constelação familiar.

Peço para cliente colocar um boneco para representar ela, um para representar o pai e outro para representar a mãe.

O boneco dela olha para frente, o do pai para frente também e o da mãe olha em direção a filha.

Ela refere que sente-se angustiada e sobrecarregada.

Peço para ela incluir um boneco para representar o avô paterno que ela coloca um pouco afastado do pai e um para representar a avó paterna que ela coloca distante do pai, mas de alguma maneira, na posição oposta a onde ela está.

Incluímos também bonecos para representar os avós maternos que ela coloca atrás da mãe.

Quando todos os bonecos são incluídos a cliente refere não sentir mais o boneco dela, como se ele tivesse sido anulado.

Resumidamente o que fizemos:
– Em relação ao avô paterno – agrademos tudo o que ele fez e sentimos pela vida dura e dificil que ele teve. Mas agradecemos por ele ter cuidado de todos do jeito que ele sabia e podia. Cliente se emociona muito ao reverenciar o avô.
– Em relação a avó paterna – o sistema revela que ela foi embora por algum motivo que é um segredo, ela fez o que fez por algo que existia entre ela e o marido, mas que é problema deles e minha cliente nada tem a ver com isso. Demos um lugar para esta mulher no coração da cliente e a constelação revelou que elas tem muito mais em comum do que imaginavam. Desta maneira, tudo bem, ela ser corajosa e ousada como avó materna e tudo bem também fazer o que é melhor para ela, independente do que os outros vão pensar. / Cliente se recordou que essa avó era muito amorosa e acolheu isso em seu coração.
– Em relação ao avô materno – fizemos uma grande reverência e agradecemos por tudo. Demos um lugar para este amor e o sistema revelou o tamanho do amor que esse homem carregava no seu coração.
– Em relação a avó materna – Tivemos um pouquinho de dificuldade para acessar este lugar, pois parece ser uma pessoa que passou por muitas dificuldades e dores e carrega tudo isso em seu coração. Reverenciamos sua historia, sua dor, suas escolhas e a cliente ficou mais quentinha depois disso.

Para finalizar, de maneira que a cliente voltasse para seu lugar de filha e não de mãe dos pais, pois havia ainda esta força no campo, demonstrando o quando ela se preocupava com eles. colocamos os avós paternos atrás do pai e pedimos para ele tomar a força dos pais, e que com esse movimento, ela também poderia se beneficiar disso, ela diz que o boneco do pai ficou quentinho e o dela ainda mais.

Na hora de fazer o mesmo com a mãe, o campo não reverberava e fizemos de outra maneira, permitindo que a mãe da cliente a a avó ficassem frente a frente. Existe uma história entre a mãe da cliente e a avó materna, e solicitamos que a mãe da cliente liberasse ela do que houve entre ela a a mãe dela.
Falamos algumas frases e a cliente disse que sentiu que o boneco da mãe ficou um pouquinho melhor e o dela também.

Posiciono os bonecos respeitando a ordem dos avós e dos pais e coloco a cliente a frente deles, para que possa tomar a força de seus ancestrais e seguir em direção ao boneco que eu coloquei logo a frente dela. Ela sorri com alegria e curiosidade: digo que é a vida….

Ela toma essa força e fica bem.

Depois coloco um boneco para representar a aprovação e a reprovação e digo que ela decide o que fará com esses dois aspectos. Depois das frases, ela diz que ambos os bonecos estão neutros.

Encerramos a constelação.

Obs . Lembrando que a Constelação Familiar não tem intenção de curar ou “livrar” ninguém de seus problemas ou questões, ela tem por objetivo trazer a luz ao problema, e permitir que o constelado pense a respeito e tome as decisões que melhor lhe convirem a partir deste processo.

Marilice Everton Zanato
Psicóloga – CRP. 06/80972
Fone: (11)-9-6989-0331
marilice@mezpsicologia.com.br
http://www.mezpsicologia.com.br

CONSULTÓRIO – ZONA NORTE:

Rua: Ana Benvinda de Andrade, 51 – Alto de Santana – São Paulo / SP
Referência: Travessa da Voluntários da Pátria – Altura do 3000 / Rua da Loja TNG
Metrô mais próximo Santana.

CONSULTÓRIO – ZONA SUL:

Atendimentos: Somente Quinta-feira
Rua: Bartolomeu de Gusmão, 177 – Vila Mariana – São Paulo / SP
Referência: Próximo aos Metrôs Ana Rosa e Vila Mariana.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s