Você já agradeceu hoje o emprego de ontem?

DECIDI SER FELIZUma coisa que acontece com uma certa frequência e que a maioria de nós não se dá conta é a nossa relação com o trabalho.

Quando começamos a trabalhar em uma empresa, expectativas, desejos,tudo gira em torno desta nova oportunidade que se apresenta.

Queremos ser remunerados de maneira adequada, desejamos que a nova equipe esteja alinhada os nossos valores e intenções de trabalho e que tenhamos bons momentos neste ambiente que nos dá uma nova oportunidade de desenvolvimento e crescimento pessoal e profissional.

A maioria de nós até começa a trabalhar na empresa com alegria, satisfação e envolvimento com a rotina ou as coisas que vão sendo ensinadas para nós.

Mas, com o passar do tempo, algumas pessoas acabam se desmotivando ou se deixando de lado e começam a reclamar do trabalho, do ambiente da empresa, do salário, de tudo que um dia foi acordado e aceito em entrevista.

E neste momento, muitos de nós acabamos desvalorizando o que temos e queremos trocar de emprego, de atuação profissional, achando que trocando de lugar as coisas serão diferentes.

O fato é que: em qualquer lugar que estejamos, se o nosso coração não estiver inteiro e verdadeiramente alinhado com o que é melhor para nós, você pode estar no lugar que sempre sonhou, mas estará distante de você mesmo.

Você pode sim trocar de emprego, mas o problema não é o lugar e sim a maneira como você lida com as questões.

Não estou dizendo que não existem ambientes de trabalho insuportáveis, e sei que problemas acontecem diariamente, mas a questão é como você lida com esses problemas.

Prefere reclamar ou tentar perceber o que esta oportunidade está querendo lhe ensinar ou melhorar em você mesmo?

Minha sugestão é que você olhe para todas as suas experiências de trabalho anteriores e inclusive a atual e agradeça.

Como assim agradecer?

Olhe com respeito para tudo o que foi aprendido, tudo o que foi enriquecido, tudo o que também não foi bom, mas você aprendeu a fazer diferente ou aprendeu que não deve ser feito.

Olhe para seu passado com carinho e respeito.

Olhe para aquelas pessoas que também não eram as suas prediletas ou com quem você teve problemas.

Agradeça todas as oportunidades, independente do que houve, pois todas elas te prepararam para o que você é e faz hoje.

Quando honramos e damos um lugar em nosso coração para tudo o que já fizemos e passamos um dia, respeitamos o nosso lugar no mundo e respeitamos quem somos também.

Outra coisa importante para ser dita: o que passou passou. Não carregue mágoa, ressentimentos em relação a ex-chefes, ex-colegas ou até promessas que foram feitas e não foram cumpridas. Passou, isso não te pertence mais.

A vida segue adiante, e ficar preso a uma promessa de passado só faz a sua vida ficar estagnada e pobre de possibilidades.

A partir de agora, pegue o seu currículo, escreva com cuidado, carinho e respeito tudo o que você já fez na sua vida profissional.

Conte para os empregadores cada uma das empresas por onde você já passou um dia.

Algumas pessoas às vezes não querem colocar uma experiência por ter sido muito curta ou por não ser uma empresa que tenha relevância no mercado, mas não faça isso, todas as empresas por onde você esteve são importantes pois elas tornam você o profissional que você é.

A experiência foi rápida, a experiência foi longa, não importa!

Ela faz parte da sua história e sempre que olhamos para trás com carinho e respeito pelo que já passamos o nosso campo, o nosso sistema, nos devolve isso de maneira a estarmo alinhados com que é melhor em relação ao que podemos realizar e o que estamos preparados para oferecer.

Verifique se existe alguma coisa em seu coração que ainda vibra raiva, rancor e diga para você mesmo: “tudo bem, isso tudo está no passado”.

Ou seja no próximo emprego permita-se novas experiências olhe para trás com carinho e respeito, siga adiante o seu propósito, dentro do que você acredita que é o melhor que você pode fazer e oferecer.

Honremos nossa história independente do que tenha acontecido.
Devemos agradecer o que um dia houve de ser, agradecer o que é hoje e agradecer pelas oportunidades que poderá surgir a partir que eu me reconheço e valido tudo o que há em mim de bom e também o que há para ser desenvolvido e aprimorado.

Marilice Everton Zanato
Psicóloga – CRP. 06/80972
Fone: (11)-9-6989-0331
marilice@mezpsicologia.com.br
http://www.mezpsicologia.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s